Nesta página encontra 2 elementos auxiliares de navegação:Motor de busca | Saltar para o conteúdo

Portal do Cidadão com Deficiência

Associação Portuguesa de Deficientes Delegação S.Miguel

Navegação

Em conformidade com a Acessibilidade Web:

Símbolo de
Acessibilidade à Web Acessibilidade Certificada Validação W3C WAI-AAA Validação W3C CSS Validação W3C XHTML

Notícia + - Imprimir

Inicio » Notícias » Apoplexia: Estudo apresenta bons resultados de transplante de neurónios em doentes
Imagem da Noticia

Apoplexia: Estudo apresenta bons resultados de transplante de neurónios em doentes

no dia 01 de Janeiro de 1970
O transplante de células nervosas criadas em laboratório para os cérebros de doentes com apoplexia acidente vascular cerebral parece ser eficaz e seguro, podendo vir a ajudar os pacientes a reconquistar a sua mobilidade. Apesar de os resultados preliminares de um estudo liderado por Douglas Kondziolka, professor de cirurgia neurológica na Universidade de Pittsburg (EUA), serem encorajadores, são necessários mais testes para comprovar a eficácia deste tratamento na inversão da paralisia e de outras características de diminuição que acompanham a doença.
Neste momento não há tratamento directo para fazer regredir os danos neurológicos da apoplexia, meses depois da ocorrência, explicou Kondziolka à CNN. O único tratamento para estes doentes é a reabilitação através de terapia física e ocupacional, acrescentou o investigador.
Kondziolka e a sua equipa de investigação acompanharam doze pacientes com problemas grandes de movimentação, resultantes de uma apoplexia. Seis meses depois de terem recebido transplantes de dois ou seis milhões de células neurológicas denominadas LBS, nenhum dos pacientes teve problemas ou complicações relacionados com o transplante. Este estudo foi concebido para avaliar se é possível colocar estas células no cérebro e se é seguro, afirmou Kondziolka.

EM DESTAQUE

PRÓXIMOS EVENTOS

Mais Eventos

INQUÉRITO

Março é o mês da Saúde dos Pés. Já consultou um Podologista?

  • Sim
  • Não