Nesta página encontra 2 elementos auxiliares de navegação:Motor de busca | Saltar para o conteúdo

Portal do Cidadão com Deficiência

Associação Portuguesa de Deficientes Delegação S.Miguel

Navegação

Em conformidade com a Acessibilidade Web:

Símbolo de
Acessibilidade à Web Acessibilidade Certificada Validação W3C WAI-AAA Validação W3C CSS Validação W3C XHTML

Notícia + - Imprimir

Inicio » Notícias » Dia Mundial da DPOC 14 de Novembro
Imagem da Noticia

Dia Mundial da DPOC 14 de Novembro

no dia 08 de Novembro de 2012
A RESPIRA - Associação Portuguesa de Pessoas com DPOC e Outras Doenças Respiratórias Crónicas - assinala o Dia Mundial da DPOC com uma campanha de sensibilização para uma doença que afecta grande parte da população portuguesa. A Respira pretende alertar para uma doença que afecta 1.500.000 portugueses1 e está ainda subtratada e subdiagnosticada. Queremos chamar a atenção para uma doença que afecta sobretudo os fumadores e que se desenvolve silenciosamente. Se sente falta de ar, tosse ou dificuldade em realizar as tarefas diárias como subir escadas, tomar banho ou fazer a cama, deve consultar o seu médico de família, explica Luísa Soares Branco, Presidente da Respira. A campanha será lançada no Metro de Lisboa, de 7 a 14 de Novembro. A Campanha engloba as seguintes iniciativas: Cartazes nas estações do Metro de Lisboa, CP e rede de Mupis da CML; Autocolantes nas escadas do Metro de Lisboa com mensagens alusivas às dificuldades do dia-a-dia das pessoas com DPOC; Distribuição de folhetos informativos sobre a doença; Spot televisivo com testemunho de pessoas que vivem diariamente a doença. Um dos objectivos da Respira passa por promover comportamentos saudáveis: a prevenção é a palavra-chave. O diagnóstico precoce consiste num teste muito simples e que se chama espirometria. A presença de obstrução pulmonar é determinada por este teste em que a pessoa sopra para um tubo ligado a um espirometro. Fonte:Creative Press [Fim de Notícia]

EM DESTAQUE

PRÓXIMOS EVENTOS

Mais Eventos

INQUÉRITO

Março é o mês da Saúde dos Pés. Já consultou um Podologista?

  • Sim
  • Não